Luvas da utopia 

Guto Maia*

 29/08/2020 (Read in English)

Há momentos da História da Humanidade, em que as doutrinas, as teses e as teorias anteriormente validadas, por mais defasadas que pareciam estar, acabam servindo como uma luva para explicar a realidade atual, e oferecer um norte de utopia.

 

Especialmente nos momentos de caos, como os que vivemos há seis meses, graças a uma pandemia de proporções mundiais, que nunca imaginaríamos assistir na vida. Algo impensável no ano passado.

 

Visitando o passado em busca de explicações, encontramos várias justificativas científicas para o que está acontecendo. Mas, surpreendentemente, uma parcela muito grande da população mundial renega peremptoriamente a ciência, por intenções variadas, ironizando inclusive a existência do que vemos acontecer diante dos olhos de todos. O "terraplanismo" ideológico, filosófico e religioso dessa parcela da população, cria um ambiente surreal, com teorias conspiratórias que seriam inimagináveis em tempos normais. Instalou-se o caos sóciopolítico, ético e moral em determinados ambientes.

 

Apesar ou graças a isso, o caos torna-se libertador para os teóricos. Quando não existem respostas convincentes, todas conjecturas tornam-se possíveis, e isso é muito estimulante como exercício dialético.

 

Onde não há respostas satisfatórias, todas são aceitáveis. Durante seis meses, revisitei alguns teóricos para formular um ensaio reflexivo. Aqui começam os rudimentos das primeiras conclusões para serem debatidos coletivamente. Estarão em processo até a sua formatação final. Todas as contribuições dialéticas são bem vindas. Mesmo as que desafiam a lógica.

 

*Guto Maia - José Augusto Maia Baptista

Gestor educacional

 


 

 @luvas  @utopia

UA-12170444-1